Se você nunca ouvir falar em referência relativa e absoluta, então, não se assuste com o título deste tutorial.

Porque muito provavelmente você já sabe o que é referência relativa, já usa no seu dia a dia, apenas não conhece esse termo técnico.

Eu mesmo só ouvi falar disso quando já tinha aprendido na prática a usar Excel.

O motivo pelo qual decidi fazer esse tutorial é que alguns leitores das minhas dicas de Excel por email me mandaram dúvidas, onde ficou demonstrado o desconhecimento sobre referência relativa e absoluta.

E como não dá para falar de referências absolutas sem falar de referências relativas, então, decidi escrever esse tutorial.

Você pode ler o texto aqui embaixo, ou ver o vídeo, o que preferir.

Clique aqui para baixar a planilha mencionada no vídeo acima.

Vejamos primeiro o que é referência relativa.

Referência relativa

Referência relativa é o jeito mais comum de fazer uma fórmula no Excel.

Por padrão, sempre que você cria uma fórmula nova, a referência usada é a relativa.

A grande vantagem da referência relativa é, além da sua simplicidade, que o próprio Excel refaz a fórmula automaticamente, acelerando o processo de montagem da planilha.

Porém, podem ocorrer situações, onde esse padrão básico de funcionamento do Excel não é desejado.

Que tipo de situações seriam essas?

Como fazer para alterar de referência relativa para absoluta?

É isso que veremos a seguir.

Referência absoluta

Após assistir o vídeo acima você irá entender como funciona a referência relativa.

Para transformar de absoluta para relativa, vamos usar o cifrão $, por exemplo:

=A1

A fórmula acima usa referência relativas, ou seja, ao copiar e colar, tanto o link da coluna quanto da linha serão atualizados.

=$A$1

A fórmula acima usa a referência absoluta, ou seja, ao copiar e colar, tanto a linha quanto a coluna permanecem inalteradas.

E se desejarmos que apenas a linha ou a coluna sejam referência absoluta.

Para isso, usaremos o $ a esquerda da coluna, se desejarmos “travar” a coluna.

Ou usaremos o $ a esquerda da linha, para “travar” a linha.

Referência mista

Leia o texto abaixo ou assista ao vídeo.

Para baixar a planilha mencionada no vídeo acima, clique aqui.

Quando usamos o $ apenas antes da coluna ou apenas antes da linha, chamamos de referência mista.

=$A1 (REFERÊNCIA MISTA TRAVANDO A COLUNA)

Nesse caso a linha é relativa e a coluna é absoluta. Ao copiar, apenas a linha irá mudar.

=A$1 (REFERÊNCIA MISTA TRAVANDO A COLUNA)

Nesse caso a linha é absoluta e a coluna é relativa. Ao copiar, apenas a coluna irá mudar.

Como um vídeo vale mais do que mil palavras, vejamos como fique no vídeo abaixo:

Dica para alternar entre referência relativa e absoluta

Usa a tecla F4 do teclado para alternar os tipos de referência. Em alguns teclados será necessário manter pressionado o Fn para ativar a F4.


Herbert Bento
Herbert Bento

Aprender Excel vai aumentar suas oportunidades profissionais. Em bom português: aprenda Excel e MAXimize seu potencial.

    12 comentários sobre "Referência relativa, absoluta e mista (EP #1 e EP #2)"

    • Sival

      muito bom….ótimo

    • Luiz Octavio

      Olá Herbert !
      Bom dia!

      Estou começando hoje a revisão do Excel com suas dicas e achei sensacional a sua apresentação da aula.

      Parabéns!

    • Ronaldo

      Valeu muito bom os videos que mostra e explicar duas funções que usamos diariamente nosso dia-dia.

    • Mauro

      Muito bom o vídeo Herbert e a explicação excelente obrigado pela ajuda q vc ta mim dando.

    • pEDRO

      mUITO BOM O VIDEO, MUITO BRM EXPLICADO

    • Jorge

      Muito bom o vídeo foi curto mais auto explicativo

    • Jorge

      interessante prático e descomplicado

    • FRANCISCO

      GOSTEI

    • Teófilo Gomes

      Ótimo conteúdo, vai me ajudar a dizenferrujar meu Excel, que a muito tempo não pratico.

    • Elias

      Para transformar de absoluta para relativa, vamos usar o cifrão $, por exemplo: Neste caso não seria o contrário não? tipo, Para transformar de relativa para absoluta. Acho que vc inverteu ao digitar.

    • José Carlos

      interessante , e prático de aplicar

      • Herbert Bento

        Obrigado José Carlos ! Qualquer dúvida é só falar ! Abraço!

Use o campo abaixo para deixar sua dúvida, elogio ou sugestão!

Digite seu comentário abaixo. Depois digite seu nome e e-mail (seu e-mail não vai aparecer para outras pessoas).